banner-emiliano
BannerVirteX

O presidente do Tribunal de Contas do Estado do Piauí, Abelardo Vilanova, afirmou que o órgão vai fiscalizar com rigor os gastos realizados pelas prefeituras do estado durante o período de Carnaval.

Segundo ele, o tribunal não pode interferir em qual política pública o prefeito vai escolher para a cidade, mas que a fiscalização será feita para apurar a aplicação de recursos.

“Essa é uma discussão que esse tribunal todo ano tem na época de carnaval, mas é uma política pública que o prefeito que escolhe fazer uma festa de Carnaval, que muitas vezes é tradicional… O  tribunal se propõe a fazer com rigor a fiscalização, ele não pode proibir o gestor de escolher política pública, o prefeito escolhendo pagar uma banda para fazer a festa carnavalesca, o tribunal tem a obrigação  de fazer a execução da obrigação do prefeito, acompanhar a licitação para ver se o gestor está fazendo o gasto de maneira correta”, disse o presidente do TCE-PI e entrevista à TV Clube.

O problema é que no Piauí, muitos gestores preferem a inexigibilidade de licitação para que possam ter liberdade de gastos, com as empresas que querem.

Portal Ponto X 2019 – Conectando o Sul do Piauí. Siga-nos no Facebook @portalpontox no Instagram portal_pontox e no Twitter @PortalPontoX


Fonte: 180 graus

Comentários Facebook
GRILL_20cef98edeecd4b3df6ce2fdb3319e8e
WhatsApp Image 2018-12-17 at 19.52.54
Compartilhar