Tudo bem que o PT conseguiu a segunda vaga na Comissão de Constituição e Justiça da Assembleia Legislativa do Piauí, indicando o deputado estadual Cícero Magalhães para compor na CCJ junto com Francisco Limma e sob a presidência de Júlio Arcoverde (Progressistas).

Magalhães, inclusive, foi escolhido ao invés de Ziza porque o ex-secretário estadual de Meio Ambiente já está na Comissão de Meio Ambiente além de Cícero ser reconhecido pela experiência e pronto para as brigas a favor do Governo na Comissão. O problema agora é outro: Fábio Novo.

Fábio Novo segue dizendo publicamente que não deseja ir para a secretaria estadual de Cultura. Mas sua saída da Alepi já é dada como certa de maneira tão concreta que Francisco Limma está falando agora sobre quem vai ocupar o lugar de Fábio na Mesa Diretora da Assembleia.

Novo é o primeiro secretário geral e tem que decidir se tira licença ou renuncia ao cargo. O PT almeja ficar com a vaga. Mas há partidos de olho no espaço. “Aqui na Assembleia duas coisas funcionam: o regimento ou o entendimento”, acredita Limma.

Portal Ponto X 2019 – Conectando o Sul do Piauí. Curti e siga as nossas páginas no Facebook @portalpontox no Instagram portal_pontox e no Twitter @PortalPontoX WEB TV PONTO X no YOUTUBE, INSCREVA-SE em nosso CANAL sugestão de matéria pelo WhatsApp (89) 98140-6391.


Fonte: cidade verde

Comentários Facebook