Foto: Divulgação/PRF

Policiais rodoviários federais realizaram durante a quinta-feira (10) a Operação Asclépio. A ação, que aconteceu simultaneamente também em todos os estados da federação, teve como objetivo principal a fiscalização de ambulâncias que trafegam de maneira irregular nas rodovias do país.

A operação mobilizou no Piauí 41 policiais rodoviários federais. A estrutura logística contou com o suporte de 15 viaturas. A ação teve grande amplitude no Piauí, e ocorreu em todas as rodovias do estado. Durante a operação, foram realizados 228 testes de alcoolemia, 405 pessoas foram fiscalizadas, 347 veículos foram fiscalizados, 147 autuações foram lavradas e 24 veículos foram apreendidos.

Na ocasião foram detectados que a maioria dos condutores não possuíam ou não portavam o Certificado do Curso Específico de Condução de Veículos de Emergência que é obrigatório por lei, veículos indevidamente licenciados, mau estado de conservação e segurança e uso indevido dos veículo como transporte de pneus, materiais diversos e até um caixão estava sendo transportado comprovando o desvio de finalidade dos veículos.

A Operação Asclépio foi assim denominada em referência ao Deus da medicina e da cura, segundo a mitologia greco-romana.

A ação contou com o apoio da Associação Brasileira dos Condutores de Veículos de Emergência no sentido de garantir a segurança dos condutores e passageiros que trafegam nesses veículos em todo o país.

Foto: Divulgação/PRF
Foto: Divulgação/PRF
Foto: Divulgação/PRF

Fonte: Com informações do Nucom/PRF-P
Comentários Facebook