28.2 C
Bom Jesus

Polêmica: Thullio Milionário, cantor que dança “Forró Beijando” é acusado de golpe

Empresário e ex sócio, Cirilo Pereira Luz (Neto), da cidade de Palmeira do Piauí, vai pedir a quebra de sigilo bancário e fiscal do cantor.

O empresário e ex sócio de Thullio Milionário, Cirilo Pereira Luz, também conhecido por (Neto), que é da cidade de Palmeira do Piauí, região Sul do estado, está processando o cantor que canta “Forró Beijando”.

De acordo com Cirilo, o cantor rompeu a sociedade de modo súbito e deixou de repassar uma quantia em torno de R$ 5 milhões em shows já agendados. Para averiguar as quantias exatas, Cirilo informou que vai pedir a quebra de sigilo bancário e fiscal das contas do cantor.

A ação do empresário pode mexer com mais gente que o cantor do “Forró Beijando”. Havendo disparidade entre o que foi devidamente pago para a equipe de Thullio e aquilo que foi fechado com as prefeituras, pode indicar superfaturamento, caixa dois e pagamento de propina.

Thulllio Milionário, diz que rompeu o contrato pois o ex sócio e empresário Cirilo, estava ficando com todo o dinheiro dos shows. E por isso, procurou outra empresa para administrar sua carreira. O cantor está oferecendo um acordo de R$ 500 mil ao empresário, que não aceitou. Thullio, diz que vai entrar na justiça contra o ex sócio.

Thulllio Milionário, irá realizar show em Bom Jesus, Sul do Piauí, dia 19 de dezembro. Cidade onde o ex sócio tem empresas. A Redação do Ponto X, irá entrar em contato com o cantor para falar sobre o caso.

A cantor faturou de março a novembro de 2019 mais de 9 milhões, fora os contratos já celebrados para o mês de dezembro, e segundo seu ex sócio, ele deixou de repassar ao algo em torno de R$ 5 milhões.

Thulllio Milionário, esteve em Brasília acompanhado do seu advogado e, em reunião com Cirilo Pereira Luz, ofereceu um valor de R$ 500 mil como proposta para encerrar o conflito. O ex sócio não aceitou a proposta. O empresário diz que foi lesado e fez uma notificação extrajudicial, via Cartório do DF, através da qual abre a possibilidade de conciliação, sob pena de judicialização.


Fonte: (R7 e Polêmica Paraíba)

Mais Lidas

Polícias Civil e Militar prendem traficantes em Bom Jesus.

A ação integrada das Polícias Civil e Militar de Bom Jesus resultou na prisão de um casal traficantes, na apreensão de um menor de...

Gusttavo Lima é censurado e decide não fazer mais lives, CONAR aponta irregularidades nas transmissões

A declaração foi feita horas depois do músico virar alvo do Conar (Conselho Nacional de Autorregulamentação Publicitária), que apontou irregularidades nas propagandas de bebidas...

Adolescente de 15 anos morre afogado em barragem no Piauí

O jovem Lucas de Jesus Almeida, de apenas 15 anos, de família de Campo Grande do Piauí, morreu vítima de afogamento no início da...

Sindicato denuncia cortes de horas extras e cobra adicional de periculosidade igual para todos durante pandemia

A Direção do Sindicato dos Empregados em Estabelecimentos de Saúde Pública do Piauí (SINDESPI) em reunião na última quarta-feira (15/04) com o diretor do...