28.2 C
Bom Jesus

Maior usina solar da América do Sul entra em operação no Sul do Piauí

São Gonçalo do Gurgueia é a primeira planta da Enel no Brasil a usar módulos solares bifaciais, que captam energia de ambos os lados dos painéis.

A empresa Enel Green Power Brasil anunciou nesta segunda-feira (13), que iniciou a operação da seção de 475 MW da planta solar São Gonçalo, localizada em São Gonçalo do Gurguéia, no Sul do Piauí. Segundo a Enel, a conexão da usina – maior planta solar da América do Sul – à rede ocorreu um ano antes do prazo definido pelas regras do leilão público A-4 de 2017, organizado pelo Governo Federal por meio da agência reguladora do setor elétrico (ANEEL).

Segundo a empresa, a construção da seção de 475 MW da planta solar envolveu um investimento de R$ 1,4 bilhão, o equivalente a aproximadamente 390 milhões de dólares.

“Colocar em operação nossa maior planta solar no Brasil tão antes do prazo é um grande marco para nossas operações no país”, disse Antonio Cammisecra, Responsável da Enel Green Power.

São Gonçalo é a primeira planta da Enel no Brasil a usar módulos solares bifaciais, que captam energia de ambos os lados dos painéis, com expectativa de aumento de até 18% na geração de energia. Quando estiver em pleno funcionamento, a seção de 475 MW da planta será capaz de gerar mais de 1.200 GWh por ano, evitando a emissão de mais de 600.000 toneladas de CO2 na atmosfera.

De acordo com a Enel, dos 475 MW de capacidade instalada, 265 MW são apoiados por contratos de 20 anos de fornecimento de energia para um pool de empresas de distribuição que operam no mercado regulado do país. Os 210 MW restantes vão gerar energia para o mercado livre.

Em agosto do ano passado, a Enel anunciou o início da construção da expansão de 133 MW do parque solar São Gonçalo, na qual a Enel está investindo cerca de R$ 422 milhões (aproximadamente 110 milhões de dólares) e que é apoiada por contratos de fornecimento de energia negociados com clientes

A expansão, que aumenta a capacidade total de São Gonçalo para 608 MW, deve iniciar as operações em 2020. Quando estiver em plena operação, a planta inteira (608 MW) será capaz de gerar mais de 1.500 GWh anualmente, evitando a emissão de mais de 860.000 toneladas de CO2 na atmosfera a cada ano.


Fonte: Cidade verde

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Mais Lidas

Polícias Civil e Militar prendem traficantes em Bom Jesus.

A ação integrada das Polícias Civil e Militar de Bom Jesus resultou na prisão de um casal traficantes, na apreensão de um menor de...

Gusttavo Lima é censurado e decide não fazer mais lives, CONAR aponta irregularidades nas transmissões

A declaração foi feita horas depois do músico virar alvo do Conar (Conselho Nacional de Autorregulamentação Publicitária), que apontou irregularidades nas propagandas de bebidas...

Adolescente de 15 anos morre afogado em barragem no Piauí

O jovem Lucas de Jesus Almeida, de apenas 15 anos, de família de Campo Grande do Piauí, morreu vítima de afogamento no início da...

Sindicato denuncia cortes de horas extras e cobra adicional de periculosidade igual para todos durante pandemia

A Direção do Sindicato dos Empregados em Estabelecimentos de Saúde Pública do Piauí (SINDESPI) em reunião na última quarta-feira (15/04) com o diretor do...