Dicas caseiras para diminuir as estrias

117

As estrias são um dos maiores incômodos estéticos para a mulher. Não são prejudiciais à saúde, no entanto, criam um pouco de desconforto na hora usar um traje de banho, por exemplo. Você sabia que é possível melhorá-las preparando loções com ingredientes encontrados em sua própria cozinha?

Que fazer para que não apareçam estrias?
É difícil eliminar estrias uma vez que estão presentes. Como bem diz o ditado: “é melhor prevenir do que remediar”. Que fazer? É necessário manter uma boa circulação sanguínea, ingerindo frutas vermelhas, como morangos, mirtilos e cerejas, além de se submeter à drenagem linfática, uma técnica de massagem que ativa a eliminação do líquido acumulado nos tecidos do corpo. Outra forma de preveni-las é aumentar o nível de colágeno na pele, uma proteína essencial para formação dos diferentes componentes do corpo. Seu nível pode ser aumentado através do consumo de alimentos que fornecem vitamina C (pimentões, kiwi, laranja, espinafre, tomate, goiaba, brócolis etc.). Hidratar a pele é um bom método para preveni-las, utilizando cremes diariamente para manter a elasticidade da pele. Finalmente, procure manter seu peso.

Se já estão, o que fazer?
Embora as estrias sejam difíceis de remover, mostraremos algumas dicas para melhorar a sua aparência. É importante saber que os tônicos devem ser aplicados regularmente e de forma consistente para obter resultados. As estrias aparecem por rompimento da pele e precisam de tempo para se recuperar: não se desesperem! Os resultados não tardarão a aparecer.

Vitamina E
Esta vitamina é encontrada em duas formas. A primeira, em cápsulas compradas em farmácia, aplicando seu óleo nas áreas afetadas pelo menos uma vez ao dia após o banho. Remover com pano úmido após 15 minutos. A segunda maneira é ingerir a vitamina E através dos alimentos que a contenham, como azeite de oliva, óleo de avelã ou de soja. É preciso também aplicá-lo uma vez por dia, após o banho, removendo com pano úmido após 15 minutos. A vitamina E é eficaz para todo tipo de afecções dérmicas, já que fortalece e torna a pele mais saudável.

Beterraba

Moer a casca de uma beterraba com a casca de pêssego. Se a pasta ficar grossa, acrescentar uma colher de sopa de óleo de amêndoa. Aplicar a pasta sobre as áreas afetadas por 15 minutos e, em seguida, retirar com água fria, já que a água quente faz com que a pele se torne sensível, piorando as estrias.

Cenoura
Outro legume de sua cozinha que pode ser muito útil é a cenoura. Cozinhar algumas cenouras no vapor, fazer um purê destas e aplicá-lo diretamente na área afetada. Ter cuidado com a temperatura para não queimar a pele. Os efeitos desta pasta são um pouco demorados e, portanto, é necessário deixá-la pelo menos meia hora para ter algum resultado. Em seguida, remover com pano umedecido em água fria.

Abacate

O abacate tem muitas propriedades e é usado no preparo de vários remédios caseiros com diferentes utilidades. Esta pasta é feita moendo a metade de um abacate misturada com uma colher de sopa de mel e uma de limão. Aplicar com massagem circular por 15 minutos diários. Outra maneira é acrescentar uma colher de sopa de azeite de oliva para tornar a pasta um pouco mais líquida e mais fácil de aplicar.

Cavalinha
A cavalinha é uma planta silvestre amplamente utilizada para fins medicinais. É comprada em lojas de alimentos à base de plantas. Possui um elevado teor de silício, um regenerador natural de células. A loção é preparada por maceração, durante um mês, de 100 gramas destas folhas com oito gotas de suco de limão e um litro de álcool a 40°. Uma vez passado o mês, diluir a quantidade da preparação que será usada com 50% de água e aplicá-la nas áreas afetadas duas vezes ao dia.

Fonte: Melhor com Saúde

Comentários