28.2 C
Bom Jesus

Coren-PI e Ministério do Trabalho firmam parceira para fiscalizar unidades de saúde no Estado

Com a assinatura do termo, serão realizadas a inspeções virtuais para auxiliar os profissionais que desenvolvem atividades essenciais.

O Conselho Regional de Enfermagem do Piauí (Coren-PI) e o Ministério Público do Trabalho (MPT), representado pela procuradora Dra. Maria Elena Moreira Rêgo, assinaram um termo de cooperação para realização de fiscalização conjunta dos ambientes de trabalhos. Com a parceria, a proposta é ampliar a atuação fiscalizadora nas unidades de saúde e, dessa forma, garantir a assistência dos profissionais que desenvolvem atividades laborais para contenção do novo coronavírus (Covid-19) no Estado.

Com a assinatura do termo, serão realizadas a inspeções virtuais por parte do MPT, em parceria com o Coren-PI, em unidades e estabelecimentos de saúde com o objetivo de instruir ou subsidiar a atuação final dos órgãos a partir dos diagnósticos obtidos. Para isso, o MPT também vai elaborar um Check List das Condições de Trabalhos nos Serviços de Saúde para melhor direcionar as inspeções virtuais, além de disponibilizar um relatório que será encaminhado para as entidades parceiras.

Nesse processo, o Coren-PI tem a responsabilidade de indicar um profissional para acompanhar a inspeção in loco. A presidente do Conselho, Dra. Tatiana Melo, explica que as vistorias técnicas do Coren-PI pelo Estado também continuarão de forma independente. “Essa parceria com o Ministério do Trabalho é muito importante, pois fortalece as fiscalizações no âmbito das condições de trabalho dos profissionais de enfermagem. A partir dessas ações conjuntas, os resultados obtidos serão divulgados com aprovação de ambas as partes envolvidas”, informa a presidente.

Com a declaração mundial de pandemia, essa parceria se torna fundamental, uma vez que as partes envolvidas se preocupam em realizar inspeções e diligências investigadoras, com o objetivo de reforçar as medidas de prevenção do contágio do vírus na sociedade. Além disso, as ações levam em conta a necessidade de defesa do direito fundamental ao meio ambiente de trabalho seguro, ao resguardar a saúde e a vida dos trabalhadores que prestam serviços essenciais no atual contexto crítico da saúde.


Fonte: Com informações da Ascom

Mais Lidas

Polícias Civil e Militar prendem traficantes em Bom Jesus.

A ação integrada das Polícias Civil e Militar de Bom Jesus resultou na prisão de um casal traficantes, na apreensão de um menor de...

Gusttavo Lima é censurado e decide não fazer mais lives, CONAR aponta irregularidades nas transmissões

A declaração foi feita horas depois do músico virar alvo do Conar (Conselho Nacional de Autorregulamentação Publicitária), que apontou irregularidades nas propagandas de bebidas...

Adolescente de 15 anos morre afogado em barragem no Piauí

O jovem Lucas de Jesus Almeida, de apenas 15 anos, de família de Campo Grande do Piauí, morreu vítima de afogamento no início da...

Sindicato denuncia cortes de horas extras e cobra adicional de periculosidade igual para todos durante pandemia

A Direção do Sindicato dos Empregados em Estabelecimentos de Saúde Pública do Piauí (SINDESPI) em reunião na última quarta-feira (15/04) com o diretor do...