28.2 C
Bom Jesus

Carro tomba 4 vezes em Palmeira do Piauí, “air bag não acionou”, diz motorista

A falta de sinalização adequada pode ter ocasionado o acidente. A PI-395 passa por reforma, o governo do estado é responsável pela obra.

Na manhã dessa segunda-feira (30) na PI-395, rodovia que liga Palmeira do Piauí a BR-135 e aos municípios da região do Vale do Gurgueia, no Sul do estado. Um carro tombou por cerca de quatro vezes de acordo com a condutora do veículo, que incrivelmente saiu ilesa.

O acidente ocorreu no início da manhã na localidade Salina, quando a vitima se deslocava da cidade vizinha, Cristino Castro, a 15 km de distância de Palmeira do Piauí, onde trabalha na Agência dos Correios. O trajeto é feito segundo a motorista do carro, diariamente, ela mora em Cristino Castro e trabalha em Palmeira do Piauí. Porém, dessa vez estava retornando de suas férias e não sabia que a rodovia passava por reforma de recapeamento asfáltico. Alguns locais estão com cascalho, o que deixa a pista escorregadia. A falta de sinalização adequada pode ter causado o grave acidente.

A vitima é Auricéia Guedes Oliveira, que apesar da gravidade do acidente relatou com detalhes ao Portal Ponto X como aconteceu o tombamento. “Eu estava de férias e não sabia que eles tinham passado máquina ali, deixando escorregadio. Não sei direito, mas acho que foi de 3 a 4 tombos e depois caí fora da pista”. Fala a motorista. “Quando o carro deu vários tombos e caiu lá no mato, eu estava de cinto (me salvou), o cinto estava firme, graças a Deus…Já o air bag não acionou (tenho isso como sorte), pois poderia ter ficado presa”. Disse Auricéia.

“Quando soltei o cinto e tentei abrir a porta do passageiro, pois meu lado ficou encostado no chão, percebi que as portas não destravavam. Aí me apavorei com medo do carro pegar fogo. Eu estava sem machucados e aparentemente bem. Quando ouvi uma voz dizendo lá fora que com certeza não tinha gente viva dentro do carro, devido à situação. Aí gritei dizendo que estava presa, pois as portas não abriam. Quando falei meu nome e consegui visualizar lá fora, percebi uma multidão já indo na minha direção. Nessa hora consegui ver o pessoal e não sabia se ficava feliz ou mais preocupada com medo do carro explodir”. Diz a vitima do acidente ao Ponto X.

Auricéia informou ainda a nossa redação que ficou muito feliz com a ajuda que recebeu da população e que nenhum funcionário da empresa responsável pela obra na pista apareceu no local do acidente para prestar socorro: – “Muito grata mesmo pelas pessoas que estavam ali e só saíram comigo. Gratidão à Deus e aquelas pessoas que hoje afirmo mais que tudo, são meus grandes AMIGOS”. Pontuou a motorista.

ACESSE AQUI E RELEMBRE O CASO: PI-395: Obra sem sinalização adequada pode ter provocado grave acidente em Palmeira do Piauí.

Mais Lidas